sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

ANJOS VINDO


Foram anjos de asas longas e longos presságios que andaram por aqui. Anjos sem nome e sem rosto. Anjos sem véus, desmistificados e tementes das sombras e do sol. Anjos cheios de graça e agraciados com a vontade do homem. Os mesmos anjos que um dia desistiram de tudo e de todos. Foram estes anjos que vi voltando, desde longe os olhos buscando a claridade abandonada. Descerão eles nesta terra e aqui será então o paraíso? Cairão eles aqui e tornar-se-ão eles nada mais que humanos famintos e sombrios? Chegou o instante em que o planeta se acaba e a visão dos anjos é simplesmente a última? Ou...

0 de papo!:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails