segunda-feira, 27 de abril de 2009

Variações Sobre a Experiência


Experiência é que nem certos presentes de natal: a gente nem sempre vê a utilidade e se tenta passar adiante, só se dá mal.

O pior da experiência? A "vidência" que elas nos dá do erro alheio!

Tentar passar a experiência da gente para alguém que está fazendo besteiras mas que tem absoluta certeza de estar fazendo tudo certo é como lavar um carro sob a chuva. Além de não servir pra nada, vai gastar água, se molhar, arriscar uma gripe e ainda perder um tempo enorme. Afinal... se não deu pra lavar, a chuva se encarrega...! Ê vida...

Experiência de vida compartilhada com quem não tem vontade de ouvir e mudar é milho jogado aos pombos... mortos!

Arrepender-se é lembrar, finalmente, dos conselhos pedidos. E não ouvidos. E nem seguidos.

Ouvir a voz da experiência poderia com certeza evitar certos arrependimentos e perdas de tempo. Mas como a experiência é de outrem e a voz também...

A repetição de um erro é o eco de uma experiência de vida que não jogou suas âncoras.

A vida sempre dá um jeito de mostrar suas razões. Mesmo que se teime em mostrar as nossas, fazendo curvas e turvando a verdade, um dia ela se levanta, escancara tudo o que deseja mostrar e nos deixa ali, à mercê das consequências de nós mesmos.

1 de papo!:

RITA disse...

vou anotar o último parágrafo e deixar pendurado na casa toda, no escritório e no INHENESSSS

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails