sábado, 4 de julho de 2009

Divagando Sobre as Ações e seus Efeitos




A ação, pensada ou não,
é sempre
um movimento
ditado pela razão.
Seja a razão pura,
simples, tão lógica...
Seja ela disfarçada
de intenções,
de ilusões
medidas teóricas
ou até mesmo
fingindo
ser coração.


Mas e a reação? Sem controle, sem pensamento, acontecendo corpo e mente conjugados para o bem ou para o mal. Rápida, traiçoiera, retardada, vingativa, simplista, fatal. Um joelho respondendo ao toque do martelo.

O que existe sem querer? Por que tudo o que existe a gente que querer? A ação do sorriso amigo ou de nojo. A reação do sorriso espontâneo ou do riso de raiva.

Sou eu quando só sou eu, com todos ou agindo.
Mas quem sou eu, só, contra mim ou contra todos reagindo?



(Imagem: Max Saquco)
(Ouvindo músicas que fazem bem: Cole Porter interpretado ali, aqui...)

0 de papo!:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails