sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Copos, valores e diferenças


Há algumas diferenças entre um copo de cristal e um copo de vidro comum. O material e a maneira como são feitos, além do preço, são consideravelmente fundamentais. Mas há algo a mais: a ocasião em que você o tem em suas mãos como seu (Comprou? Ganhou? Achou?). Comprou novinho na loja ou com uma herança de histórias numa loja de antiguidades?
Ganhou de um parente, de um amigo, de um amor, de um vizinho, em uma promoção do supermercado?
Achou na rua, na casa de alguém, perdido entre os móveis, esperando por você numa loja ou entre outros guardados esquecidos num sótão?
Cristal fino ou vidro simples, caro, barato ou de graça, quando ele quebrar talvez você sinta muito a falta dele ou nem mesmo perceba que alguém o tenha quebrado. A distinção virá do "como" e do "porquê" ele estava com você. Quanto tempo? Isto nem tem importância...
Assim é tudo na vida. Todos os valores estão nas diferenças. Nos pontos em comum, muito pouco se acha.


(Imagem: Broken-glass de Jbonefreaky)

2 de papo!:

Pia Fraus disse...

valores... invenção humana para dar conta do que é viver!

bjinho

zuleida disse...

Verdade, o copo vale o que nos proporcionou...
Beijos
Zu

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails