quarta-feira, 14 de julho de 2010

Incompletos



Olhar perdido
pela janela sumindo.
Efúgio nosso.

As mãos nos bolsos
esperando um bordeaux.
Inquietação.

Qualquer coisa pode ser
motivo bastante.
Encontro casual ou marcado,
destino cabal.
Nós nunca seremos um,
mas dois sempre seremos.

1 de papo!:

Suziley disse...

Sempre belas poesias, Jacque. Um bom dia para você. Beijos ;)

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails