sábado, 7 de agosto de 2010

Cores no branco e preto


Preto no branco. Branco no preto. Explicações e colorações. O que tudo não é, o que tudo queria ser. E todos? São? Nada é totalmente branco ou totalmente preto. Nem aquele pensamento e nem o fundo do oceano. Há dias e momentos mais escuros e outros, claro, bem translúcidos, chamaríamos de brancos.

O preto pode trazer a paz que o branco significa. E o branco apenas o vazio.

Preto e branco. Branco e preto. É a mistura que se forma cor. Cores chegam depois. Tudo se transforma.

Mas apenas o preto e apenas o branco nada trazem. Apenas traem a insignificância do que exite só.

0 de papo!:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails