quinta-feira, 24 de março de 2011

ARES TRANSPARENTES


Atravessar o túnel. Desertar da infame vida nada fácil da cidade. Soltar o ar de dentro do corpo cansado e respirar, aliviado, o ar solto e livre e desesperadamente transparente. Enquanto as árvores contornam sua viagem ele larga a alma e chega antes.

0 de papo!:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails