sábado, 4 de fevereiro de 2012

Frases (e versos) soltas

Coisas que não desaprendi mesmo morando longe: usar o tu ao invés de você; gostar mais de outra comida que não fosse a que eu já gostava (quibe e bata frita por exemplo...); amar meus amigos de sempre e amar os amigos que chegam; ter saudades da família; ser apaixonada pelo berço que me viu nascer; escrever sempre; adorar ficar no meu ninho... e por aí vai! :)


Eu ando devagar pisando em nuvens
Sentindo me abraçar doces vertigens
Enquanto espero você chegar...

Depois que você chega no meu universo
me afundo em sonhos e transbordo em versos
Eu me transformo no verbo amar!



Não pense apenas, fale. Diga o que pensa. Não fique parado, dê o primeiro passo, aquele que levará você tão longe quanto você deva ir. Não é a sorte que nos trai, mas a falta de ação sobre nossos sonhos e vontades.


Faço um caminho através das músicas e vejo quantas delas já me fizeram sorrir, chorar, pensar, sonhar. Há aquelas que me fizeram sentir viva quando eu pensava não estar; outras simplesmente me dão vontade de viver ainda mais. São momentos de sintonia, onde as lembranças se unem no coração e cantam. Elas falam por mim quando nada mais encontro do que o silêncio... E, mais ainda, há as músicas que me mostram quantas pessoas já passaram pela minha vida e, como estrelas no céu, elas são tantas a brilhar dentro de mim! Eu não viveria sem músicas!

Sob minhas vestes vive um animal que se alimenta de todo sentimento que me é dado. Por isto algumas pessoas me vêem dócil, outras me vêem fera. Mas nem todas compreendem as mudanças de humor. De alguns lambo os dedos e as feridas na intenção de sabê-los sempre e sempre bem. Outros recebem as mordidas e os arranhões que podem não ser fatais, mas não são nunca imperceptíveis. Mas há também aqueles que não recebem nada. Porque estes últimos, eu nem os vejo.
Não se deixe perturbar por aquilo que não deu certo. Coisas na vida, vão e vêm, mudam o tempo inteiro. Quem sabe o que vai dar certo para você está se iniciando justamente hoje? Lute sempre, mas saiba aceitar as perdas para saborear melhor os ganhos!


Quem me acompanha sabe, no meu caminho haverá sempre espaço para todos. Mesmo se muitas vezes levo alguns passos solitários, minha estrada tem morada para todos os amigos.


Imagem by Overcomingsilence

0 de papo!:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails