sexta-feira, 5 de outubro de 2012

O QUE FAZER DO AMIGO QUE NÃO ERA AMIGO PRA SEMPRE?


Sempre ouvimos falar que amigos são aqueles que não te deixam cair. Mas se assim mesmo você cair, eles estão lá, prontos para dar mão quando você estiver pronto para levantar.
Ouvimos também falar que há amigos que duram a vida inteira e outros apenas períodos de nossa vida.
Quero falar destes que fazem parte de nossa vida por períodos que a vida determina e a gente nem sempre se sente avisado.
Há amigos que você tem certeza que ficarão por perto para sempre. Que haja o que houver, aconteça o que acontecer, desabe o mundo ou não, eles estarão lá. Outros a gente percebe que talvez estejam por perto apenas por algum tempo. Questão de intuição pode-se dizer.
Mas... e quando há engano? Quando o amigo que você jurava que estaria em sua vida para toda ela simplesmente dá sinais claros de que está saindo dela? Você precisa conversar, olha para o lado e... ninguém. Você precisa de um ombro para chorar e... onde está mesmo o amigo? Você tem alegrias para compartilhar e ao saltar com elas tenta abraçar aquele amigo... que está onde?
A primeira pergunta é: o que houve? Depois chegam as outras, todas umas por cima das outras, cada pergunta querendo uma resposta que a desculpe.
E será que existe mesmo uma desculpa? Ou será que existe alguma culpa?
Voltando ao início, falemos a verdade: amigo que é amigo não deixará você na mão. Se você estiver distante, os pensamentos estarão unidos e, na primeira oportunidade você saberá que pode falar, desabafar, chorar, pular de alegria. Os amigos pra vida toda existem. Mesmo que por fases se afastem, mas eles existem.
Assim também, os outros. Sim, os outros. Que agora chamaremos aqui de conhecidos de muito ou pouco tempo. Que ficaram em sua vida somente o tempo de ensinar o que podiam e aprender o que queriam. Porque nós sempre ensinamos e aprendemos com todos. Estes outros, mesmo com cara e jeito de amizade eterna, um dia saem da vida gente.
Alguns se despedem. Outros não. Outros ainda saem teatralmente. Alguns levam pedaços do nosso coração, outros levam pedaços da nossa vida.
O amigo que não era amigo pra sempre precisa ser deixado pra lá. Não esquecido, apenas deixado pra lá. Para que seja aberta talvez uma vaga para alguém que precise entrar em sua vida.
Mesmo com a tristeza, decepção e a dor, é preciso deixar partir. O amigo que não era amigo pra sempre apenas mostrou exatamente isto: que não era pra sempre! A gente é que tenta não ver certos sinais.
Então guarde as boas lembranças e siga adiante. Não olhe para trás porque mesmo para lembrar não é preciso olhar para trás. Siga com sua vida. Certamente ela lhe reserva muita gente que vale a pena conhecer no caminho que continua.
Enxugue a lágrima. Tudo que dói um dia passa. Confie no tempo e siga! Outros amigos virão, para sempre ou não!


0 de papo!:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails