sexta-feira, 28 de agosto de 2015

Moinhos não movem o homem



Tudo se move. Águas sobre as pedras. Movendo moinhos.
Enquanto em seu silêncio interior o homem cala e consente...
Mente.
Ele também se move. Lentamente.
Seus movimentos não movem moinho, são estranhos e simples.
O homem e move e o caminho vai ficando mais curto...
como se sua vida encurtasse também...
E é verdade!
A verdade é que sua vida, pausada, parada, em movimento constante ou não...
vai perdendo a força com o caminhar.
Move-se o mundo, cada vez mais gente, moinhos de gente se movendo.
E o homem perdido em seu caminhar vazio
se perde... perde o tino...
e só se reencontra quando finalmente alcança
o destino final.


0 de papo!:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails